Os 10 momentos mais WTF da TV e do cinema em 2017

O ano de 2017 já começou de uma forma bizarra para os amantes do entretenimento. A 89ª cerimônia de entrega dos Oscars seguiu a tradição iniciada pelo concurso Miss Universo em 2015 de errar o grande premiado da noite.

No final da cerimônia, o Oscar de Melhor Filme foi para La La Land – Cantando Estações. Quando todos do elenco já estavam no palco segurando o Oscar, veio a revelação de que os apresentadores haviam errado, e que na verdade o prêmio de Melhor Filme era de Moonlight: Sob a Luz do Luar.

 

 

 

Isso foi um prelúdio para as coisas surreais que estariam por vir. Com a chegada de 2018, resolvemos relembrar os 10 momentos mais WTF da TV e do cinema em 2017. Falaremos de momentos específicos das principais obras lançadas no ano, então prossiga com cuidado pois poderão existir spoilers.

 

1 – O dedo que Baby Groot encontrou em Guardiões da Galáxia Vol. 2

 

baby Groot e dedo - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Dirigido por James Gunn (Para Maiores), Guardiões da Galáxia Vol. 2 é um dos filmes mais bizarros do Universo Cinematográfico Marvel. Isso porque Gunn colocou muito de seu humor dafuqnonsense no filme.

Em determinado momento do longa, Yondu (Michael Rooker) está preso e pede a ajuda de Baby Groot para encontrar o protótipo que usa na cabeça e que o permite disparar sua flecha. E é neste momento que Baby Groot, não compreendendo o que Yondu quer, começa a levar para ele vários objetos em vez do protótipo. Até aí tudo bem.

Até que do nada Baby Groot resolve levar um dedo decepado para Yondu, no momento mais dafuq de todo o filme.

 

 

2 – O selinho entre Fassbender e Fassbender em Alien: Covenant

 

beijo entre Fassbenders - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Alien: Convenant foi muito criticado pelo fandom de Alien. O longa dirigido por Ridley Scott (Perdido em Marte) esclarece que o droid David (Michael Fassbender) foi o grande arquiteto dos acontecimentos do universo Alien desde o início – o que acabou desagradando muitos fãs. Foi ele o responsável por libertar os Xenomorfos (raça alienígena característica da franquia) numa tentativa de ser Deus.

Além de David, Fassbender também interpreta outro droid chamado Walter. Enquanto David é mais independente e capaz de aprender coisas novas, Walter é de uma versão mais leal aos humanos, possuindo livre arbítrio reduzido.

Em uma cena do filme, David tenta ensinar Walter a tocar flauta, ajudando-o a posicionar seus dedos nos orifícios certos. E é então que numa atitude inesperada David dá um selinho em Walter.

Considerando que o filme é sobre aliens malvados que tentam dominar o mundo, e que a princípio robôs não possuem sentimentos, é seguro dizer que uma expressão de afeto como um beijo entre dois droids é algo bem bizarro de acontecer em um longa da franquia Alien.

Porém a cena não foi gratuita, pois é a representação de David como o Deus Todo Poderoso, que possui compaixão por Walter, a criatura feita em sua imagem e semelhança.

 

 

3 – Chris sendo hipnotizado e chagando ao “Sunken Place” em Corra!

 

Corra! - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Corra! foi um dos filmes mais falados de 2017. O primeiro longa de Jordan Peele (As Aventuras do Capitão Cueca) foi considerado por alguns como “terrir”, por ser um filme de terror com alívios cômicos. Porém, apesar de concorrer ao Globo de Ouro de Melhor Comédia/Musical, é um filme poderoso que deve ser levado muito a sério.

Corra! é uma representação simbólica nada sutil do terror cotidiano experimentado por aqueles que sofrem com o racismo.

Num primeiro momento, o filme aparenta ser um thriller de suspense sem elementos sobrenaturais. Até que Chris Washington (Daniel Kaluuya) aceita ser hipnotizado por Missy Armitage (Catherine Keener), sua sogra. É então que Chris é levado ao Sunken Place (Lugar Afundado, em uma tradução literal), um buraco negro para onde o personagem é sugado. Ninguém consegue ouvi-lo, e ele vai se distanciando cada vez mais do seu corpo.

Esse momento foi surreal por ter sido inesperado. Porém, Peele se utilizou dele como uma bela metáfora sobre como a sociedade tenta silenciar as minorias:


O Lugar Afundado significa que somos marginalizados. Não importa o quão alto gritamos, o sistema nos silencia.

 

 

4 – Toda a 3ª temporada de Twin Peaks

 

Twin Peaks - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Não adianta competir: quando se trata de momentos WTF, não tem para mais ninguém se David Lynch está no páreo.

Após um hiato de 25 anos, a 3ª temporada de Twin Peaks nos leva a um cenário mais pessimista, e usa seu niilismo para fazer uma crítica à sociedade atual norte-americana. Esqueça o welfare state: vivemos num estado do mal estar social, onde reina a desesperança. E isso significa mais momentos WTF, no melhor estilo Lynch.

Considerada por muitos a melhor temporada da série, o retorno de Twin Peaks é um dos trabalhos mais honestos e imersivos de Lynch, que estava fora do mercado audiovisual desde Império dos Sonhos (2006). É uma série que merece ser vista, mas fica o aviso de que seus momentos surreais podem ser considerados dafuq demais para alguns (e isso é ok, porque são mesmo!).

 

 

5 – Os episódios com a TV a cabo interdimensional de Rick and Morty

 

Rick and Morty - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Já expressamos no Farofa Geek todo o nosso amor por Rick and Morty. Para quem ainda não a conhece, é uma série de animação adulta com elementos niilistas que utiliza seu humor nonsense para aprofundar temas filosóficos. Em outras palavras, é um grande WTF.

Poderíamos abranger toda a série como um dos momentos mais bizarros de 2017, mas decidimos focar em episódios que são uma grande compilação de cenas surreais do início ao fim. São eles os que Rick e Morty assistem a TV a cabo interdimensional: Rixty MinutesInterdimentional Cable 2: Tempting fateMorty’s Mindblower (respectivamente o 8º episódio da 1ª, 2ª e 3ª temporadas).

Enquanto buscam um programa de TV para assistirem, passam por diversos canais que retratam a essência surreal da série: uma pessoa viciada em comer cocô, um programa em que todos os nomes próprios começam com Shml, uma realidade em que todos os personagens de Game of Thrones são anões exceto por Tyrion, o comercial de cereais mais bizarro que você já assistiu, a realidade da foto acima (sim, são hamsters que habitam a bunda dos humanos), dentre inúmeros outros.

 

 

6 – Os olhos de Pennywise em It: A Coisa

 

pennywise - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Mais que um filme de terror, It: A Coisa é uma aventura saudosista aos anos 80. Porém, como qualquer filme do gênero, passa por diversos momentos bizarros.

Dentre eles, destaque para a cena inaugural nos esgotos em que Bill Skarsgård (Atômica), intérprete do  palhaço the mônio Pennywise, surpreendeu a todos ao olhar ao mesmo tempo para dois lugares diferentes: com um dos olhos, olhava para Georgie (Jackson Robert Scott), e com o outro, para os telespectadores (medo!).

A habilidade de o ator conseguir fazer isso foi uma feliz revelação para o diretor do longa Andy Muschietti (Mamma), que queria que Pennywise demonstrasse sua insanidade no olhar. Por sorte, não foi necessário recorrer à computação gráfica para ter o efeito esperado.

“Eu disse para o Bill, ‘Eu quero que eles olhem em ambas as direções, eu quero que você desvie seus olhos e dê um olhar perturbador’. Ele disse ‘Eu consigo fazer isso’, e então ele fez. Quais são as chances disso? Uma em um milhão, e ele já havia sido selecionado para o elenco.” – disse o diretor em entrevista ao Digital Spy.

Apesar de isso ter sido assustador, o filme poderia ter ficado ainda mais bizarro com cenas icônicas do livro de Stephen King que os produtores deixaram de incluir no filme.

 

 

7 – AQUELA cena de Mãe!

 

Mãe - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Como o spoiler aqui seria muito gratuito, resolvemos dar uma chance para quem não assistiu a Mãe! descer logo o scroll e passar batido por este tópico.

 


Corra! Alerta de Spoilers!

 

Os que continuaram lendo sabem que Mãe! é um filme que traz uma forte crítica à religião, de modo que a narrativa é toda construída com elementos do catolicismo e evangelismo.

Lógico que se você, assim como eu, não absorveu isso enquanto assistia ao filme, teve a impressão de que todo o longa foi um grande momento WTF.

Tudo já parecia surreal no longa de Darren Aronofsky (Cisne Negro), até que inadvertidamente os invasores da casa da Mãe (Jennifer Lawrence) e d’Ele (Javier Bardem) começam a literalmente comer o bebê de Lawrence, num ato de canibalismo infantil.

Este ato chocante e pesado não foi gratuito. O bebê seria Jesus, e o ato canibal uma metáfora para a Santa Ceia, ocasião em que os cristãos comem um pão que representa o corpo de Cristo. O perdão de Deus (Bardem) à humanidade pela morte de seu filho único vem na redenção que este trouxe aos homens. A partir deste momento, Deus se torna misericordioso, divergindo do Deus do Antigo Testamento.

Apesar de ter tido um propósito claro, uma cena de canibalismo envolvendo um bebê sempre será bizarra.

 

 

8 – A cena da mão em Jogo Perigoso

 

Jogo Perigoso- momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Novamente, em respeito aos que não assistiram ao filme, aqui vai outro alerta de spoilers:

 


Alerta de Spoilers!

 

Por ter sido lançada direto no serviço de streaming Netflix, esta foi uma adaptação de Stephen King que ficou em segundo plano este ano se comparada à Torre Negra ou It: A Coisa.

No entanto, Jogo Perigoso tem a cena que mais me fez suar frio em todo o ano de 2017 – e acredito que teve o mesmo efeito em você também.

Nela, Jessie (Carla Gugino) percebe que irá morrer de inanição e de sede se continuar algemada à cama. Então, num ato de extremo desespero, quebra um copo de vidro e corta seu pulso para fazê-lo passar pela algema que a prendia à cama. A cena é extremamente explícita, uma vez que mostra a pele sendo arrancada de sua mão, causando enorme desconforto nos telespectadores.

 

9 – A Caixa Materna que deveria impedir a destruição do mundo e ficou jogada por aí em Liga da Justiça

 

Liga da Justiça - momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Não concordo com aqueles que acharam Liga da Justiça um filme horroroso, mas tenho que admitir que esta foi uma cena do filme que não fez o menor sentido.

O enredo do filme é simples: o vilão Lobo da Estepe (Ciarán Hinds) precisa colecionar 3 Caixas Maternas que estão escondidas na Terra para causar a destruição total do planeta.

E aqui vai mais um alerta de spoilers para quem ainda não assistiu ao longa:

 


Alerta de Spoilers!

 

Então, em um momento decisivo a Liga utiliza a última Caixa Materna em seu poder para ressuscitar o Super Homem (Henry Cavill), que morreu  no final de Batman vs Superman . O plano deu certo, e tanto o Super Homem quanto a Caixa Materna voam pelos ares em uma grande explosão. Até aí tudo bem.

Só que o Super Homem acorda de seu sono profundo virado no jiraya, engajando em uma luta contra o Batman (Ben Affleck).

E então, em vez de o resto da Liga, ou pelo menos alguém, ficar de guarda da Caixa Materna, que caso perdida traria o apocalipse na Terra, ninguém pareceu se preocupar com ela. Durante todo o embate com o Super Homem a Caixa Materna utilizada para trazê-lo do mundo dos mortos ficou jogada em um estacionamento qualquer.

Obviamente, se aproveitando do desleixo da Liga, Lobo da Estepe surge e coleta a última Caixa Materna.

Não estou aqui para julgar que trazer um amigo querido de volta à vida deve ser um pouco perturbador, e a pessoa pode acabar perdendo a razão por um momento.

Porém, eram 5 super-heróis, um ressuscitado e uma Caixa Materna que selaria o destino do planeta. Não teria sido melhor deixar alguém vigiando-a?

 

 

10 – Aquela cena da Leia Organa em Star Wars: Os Últimos Jedi

 

Leia Organa os ultimos jedi- momentos WTF de 2017WTF?!?

 

Antes de irmos à cena mais falada do mundo do cinema em dezembro de 2017, aqui vai nosso último alerta de spoilers:

 


Alerta de Spoilers!

 

Tiveram vários momentos em que Star Wars: Os Últimos Jedi impressionou o público, como quando descobrimos que Luke Skywalker (Mark Hamill) não era tão perfeito como imaginávamos. Esses momentos acabaram trazendo críticas de fãs mais exigentes, que não gostaram do rumo que sua franquia favorita estava tomando.

Dentre eles, a ocasião mais WTF de todo o filme foi quando Leia Organa (Carrie Fisher) é atingida por uma explosão que destrói parte da nave em que se encontrava, fazendo com que ela vagasse pelo espaço.

Neste momento, pensamos ser o fim da General Leia. Estávamos enganados.

É então que, quando o corpo de Leia já estava se desintegrando, Leia utiliza a Força para “voar” pelo espaço e voltar para sua nave, em um momento que deixou os fãs boquiabertos.

Muitos criticaram essa cena, mas acredito que ela teve um propósito relevante para o filme. Sempre soubemos que Luke tinha a Força, enquanto Leia era a irmã inteligente, que arquitetava os planos.

Essa demonstração do uso da Força de Leia nos mostrou que ela também é especial, o que é ainda mais interessante se olharmos pela questão de gênero e do protagonismo da nova franquia ser de Rey (Daisy Ridley), uma mulher.

Esse décimo momento, portanto, foi um WTF feliz.

 

Esses foram os momentos mais bizarros no mundo do entretenimento para nós do Farofa Geek. E os seus, quais foram? Eles estão na lista? Não se esqueça de comentar! =)

Boo Mesquita

Geek de carteirinha e cinéfila, ama assistir a filmes e séries, ir a shows, ler livros e jogar, sejam games no ps4 ou boards. Quando não está escrevendo, pode ser vista fazendo pole dance, comendo fora ou brincando com cachorrinhos. Me siga no Instagram!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *